Cine-Teatro Louletano

Perfil Perdido, de Marco Martins - com Beatriz Batarda e Romeu Runa

De 22 a 23 de maio de 2021

Teatro / Dança / Performance

2 sessões:
> 22 mai (sábado) | 17h00
> 23 mai (domingo) | 17h00

 

"Perfil Perdido", uma produção conjunta do Cineteatro Louletano com o São Luiz Teatro Municipal, Teatro Nacional S. João e Centro Cultural Vila Flor, explora a relação pai-filho num espectro alargado, como um estaleiro e arena onde entram em jogo espaços, tempos e estados feitos da tensão entre o que é domesticável e o que é indomável. Entre a animalidade e a humanidade. Corpos em metamorfose e desdobramento.



Criada em estreita relação com os dois artistas singulares que estarão no palco – Beatriz Batarda e Romeu Runa –, a peça aborda questões de género, filiação, domesticidade e os limites entre realidade e ficção.



Continuando a sua exploração sobre as formas de representação, Marco Martins parte destas premissas para criar um espetáculo que cruza linguagens para abordar questões ligadas à perceção e condicionamento implícitas nas nossas noções e experiências de descendência e ascendência.

 

/ Encenação: Marco Martins /

/Textos: Francis Bacon, Sophie Calle, Siri Hustvedt, Franz Kafka, Édouard Louis, Peter Kubelka, George Oppen, George Steiner, Gonçalo M. Tavares, Richard Tuttle, Sylvia Plath, Philip Roth, Sófocles, William Shakespeare, Manuel Vilas e Slavoj Zizek /

/ Elenco: Beatriz Batarda, Romeu Runa /

/ Sonoplastia: Tiago Cerqueira /

/ Cenografia: Fernando Ribeiro /

/ Desenho de luz: Nuno Meira /

/ Assistência de desenho de luz: Ricardo Campos /

/ Desenho de som: Sérgio Milhano /

/ Assistência de desenho de som: Tomé Silva /

/ Figurino: Teresa Pavão /

/ Assistência de encenação: Rita Quelhas /

/ Consultoria ilusionismo: Hélder Guimarães /

/ Consultoria sapateado: Marinela Mangueira /

/ Apoio aos ensaios: Rui Catalão, Vânia Rovisco /

/ Direção de produção: Mariana Brandão /

/ Coprodução: São Luiz Teatro Municipal, Teatro Nacional S. João, Centro Cultural Vila Flor, Cineteatro Louletano /

/ Residências artísticas: DeVIR/CAPa, Cineteatro Louletano, CENTQUATRE, PARIS, O Espaço do Tempo /

/ Apoio: Artworks /

/ Agradecimentos: Ministério dos Filmes, Polo Cultural Gaivotas/Boavista, Pro.Dança, Sara Pereira da Silva

 

Estreia: 28 de novembro de 2019, Festival Internacional de Teatro de Istambul

 

Duração: 90 minutos

 

  • Cineteatro Louletano
  • 17h00
  • €12,00 / €10,00 (para maiores de 65 e menores de 30 anos). Cartão de Amigo aplicável.
  • M/12